Uploaded with ImageShack.us

Que férias! Ceará terra da Gente!!!

Que férias! Ceará terra da Gente!!!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Voo de um Pai Poeta. (in memoriam)
Vôo de um Pai Poeta.(in memoriam) Venho hoje buscar no abraço O calor de um ombro e um colo de amor. Quando escrevo compondo eu disfarço E o escuro ilumina sarando essa dor. Quanto tempo calada e falando eu estava Quando o peito dizia em batidas freqüentes Foi a forma encontrada por eu desejada Com os elos das horas montei às mais duras correntes. Quais correntes das bravas nascentes Eu olhava meu rio a correr, a passar Fui a gota de outras sementes Pranteando e olhando um poeta voar. Quando à espessa camada surgia e cobria Todo o brilho de um olhar, que nasceu e viveu entre versos prosas Minha mente montava mosaicos de alguém que partia Deixando-nos um legado de amor e atitudes honrosas. Do poeta de falas e frases pensadas, Sou um galho, pequena vertente. Vou crescer pra de um Pai eu poder mais dizer Que o cometa era um homem franzino de mãos calejadas Tinha à luz do saber, tinha um muito de Deus em seu Ser! Por uma filha. Goretti Albuquerque

Um comentário:

  1. Olá minha guerreira adorei vir ao seu cantinho e ver que postou novamente.
    Sei que é por uma despedida, mas "aqueles que amamos não morrem só partem antes de nós".
    Beijos
    Isa

    ResponderExcluir

Benvindos ao meu kantinho!!!

Piu Piu pra você!

Piu Piu pra você!